14 junho 2008

Biharis



A Religião engana os Biharis


Bihar, berço do Budismo, do Passivismo e outras influentes religiões, sofre de negligência, desespero e ignorância.
Um missionário escreve de Bihar: "Tive uma visão: o espírito das trevas assenta-se sobre um trono à espera de sua fraqueza. Este lugar é diferente de qualquer outro na Índia. Este espírito é astuto e persistente. Não se pode saber de onde vem e quando vai atacar".Passado de glóriasA terra do povo bihari é dividida ao meio pelo famoso rio Ganges, e serviu de berço a numerosas crenças tribais e a três religiões mundiais: Peregrinos do Jainismo, Budismo e Hinduísmo, se deslocam até Bihar, na Índia Ocidental, para adorarem nos inúmeros santuários e lugares sagrados. Os Jainistas, seita do Hinduísmo, consideram Pavapuri seu centro de adoração, enquanto que os hindus adoram em Gaya, sua cidade sagrada. Os Sikhs consideram a cidade de Patna seu santuário, por ter sido o lugar onde nasceu Gobind Singh, o décimo e último guru Sikh. Bodhgaya é o mais sagrado lugar dos Budistas, por ter sido ali que o Buda foi iluminado, sob uma árvore de Bo.Bihar tornou-se o centro de difusão do Budismo para toda a Ásia, quando o rei Ashoka (269-232 A.C.) reinou sobre todo o subcontinente indiano. Em 1850 Bihar foi o centro da rebelião contra o domínio britânico, quando o Mahatma Gandhi começou o seu movimento de resistência passiva, satyagraha, partindo de Champaran, ao norte de Bihar.Presente sem esperançaBihar possui uma história altiva e sua capital, a cidade de Patna (Dois milhões de habitantes) é a terceira mais antiga da Índia. O estado é um dos mais densamente povoados do país. Viu impérios surgirem e caírem. Nele nasceram as grandes religiões, embora seja tido como o filho desprezado da Índia. (90% da população é de camponeses e apenas 26% dos adultos são alfabetizados). Bihar deixou de ser um centro avançado de cultura ou de poder.


____________________________________________________________________


RELATÓRIO ESPECIAL
Biharis não alcançados pelo cristianismo

A entrada do cristianismo tem sido praticamente impossível - o preço é demasiado alto.O sofrimento dos cristãosEis alguns testemunhos de cristãos biharis: "Minha família de deserdou e os vizinhos me perseguem"."Meu avô se refere a mim como o seu filho morto". "Vivo chorando porque estou completamente solitário!" O cristão tem de enfrentar a perda da segurança social. A igreja pequenina e o cristianismo nominal não têm como enfrentar a perda do apoio familiar. Não é de surpreender que 9 em cada 10 muçulmanos convertidos retornam ao Islã.
Junte-se a nós, em oração pelos Biharis


Ore para que seja vencido o poder dos principados (deuses do Hinduísmo, Budismo, Islamismo) que mantêm o povo escravizado. Leia (Dn 9:11-19; 10:10-14); (2 Co 10: 4, 5).

Ore para que as igrejas em Patna sejam fortalecidas e reavivadas, e venham a ser evangelistas e missionárias para seu próprio povo.(Efésios 6:10-20).

Ore pela unidade das igrejas em Bihar. Ore para que a Igreja em Bihar seja fonte de paz entre hindus, muçulmanos e budistas. (João 17: 6-23).

Ore para que assim como Bihar foi o berço de outras religiões, seja nos últimos dias uma fonte de despertamento cristão na Índia e um farol para os hindus em toda parte. (2 Sm 7.18-26); (Ne 6.15, 16).

Ore para que os obreiros cristãos em Bihar não sejam vencidos na guerra espiritual que enfrentam. (Is 62.1-9).

Ore para que os religiosos biharis possam entender que a salvação não vem pela lei ou pelas obras, mas somente através do Senhor Jesus Cristo. (Gl. 2:16).

Ore para que novos missionários possam trazer o evangelho em sua plenitude aos pobres e necessitados biharis, não só em Bihar, mas em outros estados indianos e em Bangladesh.

Fonte:

Um comentário :

Leia as regras:
Todos os comentários são lidos e moderados previamente.
São publicados aqueles que respeitam as regras abaixo:

- Seu comentário precisa ter relação com o assunto do post;
- Não inclua links desnecessários no conteúdo do seu comentário;
- Se quiser deixar sua URL, comente usando a opção OpenID;
- Ofensas pessoais, ameaças e xingamentos não são permitidos;


OBS: Os comentários dos leitores não refletem as opiniões do blog.